Notícias

Notícias

Instituto Cervantes apresenta o ciclo Transfronteiras

Fotografias e documentários exibem fragilidades e paisagens latino-americanas

O Instituto Cervantes apresenta, a partir do próximo dia 20, o ciclo “Transfronteiras”, que se divide entre fotografias na mostra “Peso Leveza” e documentários nas sessões “Os Limites das Fronteiras” até o dia 16 de junho, para trazer um retrato sobre a situação da América Latina como região emergente no cenário sócio-econômico e político mundial. O ciclo – que tem entrada gratuita – pretende discutir as fronteiras naturais, sociais, psicológicas e artísticas, propondo uma reflexão sobre viver em determinado lugar. As fronteiras políticas são uma grande convenção que implica em uma questão fundamental: o conflito entre identidade e liberdade. A força dessas ideias enriquece a criação contemporânea e multiplica as possibilidades de gêneros.

Com curadoria da guatemalteca Rosina Cazali e da espanhola Laura Terré, “Peso e Leveza” – que se coloca conceitualmente entre o humanismo e a violência – reúne registros de diversos fotógrafos de países como Argentina, Espanha, Colômbia, Peru e Brasil, entre outros, e também documentários relacionados ao tema. A mostra explora visualmente os extremos da América Latina: de um lado, as imagens que causam angústia e estranheza; do outro, as que trazem leveza e clareza para quem olha. Com esse conceito, a ideia é mostrar países que nos últimos anos vêm emergindo mundialmente, mas que ainda preocupam por terem desigualdades gritantes, democracias frágeis, autocolonialismo e uma violência encarada como normalidade em seus cotidianos.

O fato de a exposição contar com fotógrafos de diversas nacionalidades faz com que tenhamos imagens diferentes, mas que se complementam. Mayerling García (Nicarágua), por exemplo, na série “El Crucero”, busca o abstrato ao fotografar como um voyeur, observando pessoas em ambientes rurais e ermos, enquanto na série “Choques”, Diego Levy (Argentina), que é fascinado por fotografar cenários urbanos, foca em batidas de automóveis e demais veículos que circulam em vias movimentadas como as da capital Argentina, Buenos Aires.

Santiago Hafford (Argentina), em “Uniformados”, faz um ensaio sobre as Forças Armadas argentinas do começo do século XXI, com um olhar irônico jogado sobre a hierarquia dos militares. O mexicano José Ernesto Muñiz trabalhou com colagens em cima de figuras religiosas; o venezuelano Juan Toro fez retratos de descendentes de escravos na Chapada Diamantina; o brasileiro Ricardo Barcellos trabalhou com registros de prédios abandonados e a argentina Myriam Meloni foi atrás de usuários de drogas como cocaína.

Através desses caminhos, “Peso e Leveza”, como o título mesmo diz, tenta buscar um equilíbrio para compor o cenário múltiplo que traduz a América Latina dos dias de hoje, um conjunto de países que vêm crescendo e conquistando espaço justamente pelas suas desigualdades, dificuldades e diferenças. São países que, quando nos aproximamos, exibem fragilidades e incertezas, mas que, juntos, representam uma fortaleza para quem os observa de fora.

Documentários serão exibidos no auditório do Instituto Cervantes

Um ciclo de documentários acompanhará a exposição de fotografias com cinco sessões, entre abril e maio, de nove filmes de autores espanhóis. O programa pretende ajudar no entendimento desses lugares e as pessoas que ali habitam e transitam, além dos conflitos presentes. A programação mostra o olhar de diretores espanhóis para esse mundo como espaço globalizado.

Ciclo Transfronteiras no Instituto Cervantes

Data: 20/04 a 16/06
Horário: de 2ª a 6ª das 10h às 19h; sábado das 10h às 14h
Local: Sala de exposições do Instituto Cervantes RJ – Botafogo
Rua Visconde de Ouro Preto, 62

Documentários “Os Limites das Fronteiras”
Data: 25 de abril / 2, 9, 16 e 23 de maio
Horário: 19 h
Atividades Gratuitas

Foto: Mayerling Garcia (Nicarágua)

Rua Voluntários da Pátria, 190 / 501
Botafogo – Rio de Janeiro - RJ - CEP: 22270-010
Tels.: (21) 2226.1346 / 2226.1347 / 2539.0775
Copyright © 2010 Factual. Todos os direitos reservados.