Notícias

Notícias

Bistrô Le Vin comemora 10 anos

De 15 de setembro a 15 de outubro receitas francesas que marcaram a história do restaurante são as estrelas do cardápio preparado para celebrar a primeira década do bistrô

O primeiro bistrô Le Vin nasceu no ano 2000, na Alameda Tietê, nos Jardins, em São Paulo. Dez anos depois, o casal de restaurateurs Francisco Barroso e Nancy Mattos (foto à direita) comanda nove casas, garantindo que em cada uma delas a tradicional cozinha francesa seja executada à perfeição. São três bistrôs, duas patisseries e uma boulangerie em São Paulo e dois bistrôs e uma patisserie no Rio de Janeiro. Todas as casas com mesmo nome, cardápio similar e ambiente que reproduz a atmosfera dos mais tradicionais bistrôs parisienses, com toalha xadrez, mesinhas na calçada e fotos de família.

Steak Tartare, Moules et Frites, Croques, Confits ou um Entrecôte, o Le Vin é referência para quem quer relembrar os sabores da cozinha francesa sem sair de São Paulo. As pâtisseries e boulangeries do grupo são referência graças aos macarrons, éclairs, baguettes e croissants, além de muitos outros clássicos franceses ali preparados diariamente.

Depois da matriz da Alameda Tietê vieram as unidades dos bairros de Higienópolis e Itaim, em São Paulo. A primeira casa carioca foi inaugurada em 2007, em Ipanema. O local escolhido  pelo casal teve influencia de Francisco, que é carioca e adora o bairro, e o bistrô foi instalado em uma casa tombada, com direito a uma charmosa varanda. O reconhecimento do sucesso veio já no ano seguinte, com o título de “Melhor Novidade”, concedido pelo Prêmio Rio Show de Gastronomia do Jornal O Globo. Em 2009, o Rio ganhou mais uma filial do Le Vin, agora na Barra da Tijuca. Logo depois o grupo inaugurou na cidade uma pâtisserie, instalada ao lado da casa da Barra.

Para celebrar a primeira década de vida do grupo, o chef Marcílio Araújo selecionou emblemáticos pratos franceses que marcaram a história do restaurante. O menu será servido em todas as casas do grupo entre os dias 15 de setembro e 15 de outubro.

No cardápio do festival, entradas como a Terrine de Campagne (R$25), acompanhada de salada verde, a Soupe a l’oignon (R$25), típica sopa de cebola, desta vez servida com crosta de parmesão, e a Tarte au chevrè et tomates folhada (R$35, foto à direita). Nos principais, duas releituras: o tradicional Confit de pato (R$78) é acompanhado por musseline de batata doce; já as Quenelles de linguado (R$45, foto acima, à esquerda) são apresentadas junto a um levíssimo molho de limão verde, aerado com sifão. Entre os principais, outras  opções são o Navarin de Cordeiro com couscous marroquino (R$48), o Boeuf Bourguinone (R$46) e o Blanquette de vitela com champignons (R$48), que também marcaram a história do Le Vin e recebem uma merecida homenagem. E para finalizar a comemoração: Brioche de rabanada (R$16), que utiliza a tradicional receita da boulangerie francesa em uma releitura de familiar sabor brasileiro, e Figos frescos acompanhados de calda de laranja e sorvete de pistache (R$16). A patissierie do Le Vin criou ainda um doce comemorativo: o Vive Le Vin! (R$8, foto à esquerda), que tem como base o bisquit dacquoise coberto por creme de chocolate meio amargo e creme Paris brest” de amêndoas, intercalados com lâminas de chocolate ao leite.

O bistrô comemora 10 anos com prêmios em diversas publicações da gastronomia nacional. O Le Vin foi reconhecido como o melhor Bistrô Francês no prêmio da Go Where Gastronomia em 2008 e 2009, e foi indicado aos prêmios Comer e Beber da Veja São Paulo nos anos de 2005 e 2008,  no Prêmio Paladar 2009, como melhor couvert, e ao Melhores de 2009, do Guia da Folha, na categoria Padaria, com sua boulangerie. No Rio, o restaurante levou o prêmio de Melhor Novidade, concedido pelo caderno Rio Show de Gastronomia, do Jornal O Globo, em 2008.

Le Vins

Apaixonados por vinhos, Francisco e Nancy sempre deram grande importância à carta do bistrô, um dos primeiros a ter um rótulo próprio: o vinho Cuveé Le Vin, produzido pela vinícola Chateaux Pesquié, na região Côtes du Ventoux, em Rhone, na França. Além do vinho da casa, a carta, montada junto a Sommelière Katia Lefriec, é referência por contar com mais de 300 rótulos, dos quais 16 são servidos em taça. As várias opções de vinhos franceses vão do legítimo champagne, aos tintos das mais diversas regiões, desde as Côtes du Rhône até o Vale do Loire, passando por Bordeaux e Borgonha, e brancos, da Alsace ao Sud Ouest. Além disso, há ainda uma extensa seleção que contempla vinhos de todo mundo, desde italianos, portugueses, espanhóis, até sul-africanos, australianos, neo-zelandeses, uruguaios, chilenos, argentinos e brasileiros.

Serviço:

Rio de Janeiro

Le Vin Ipanema- Rua Barão da Torre, 490 (21) 3502-1002

Le Vin Barra- Avenida das Américas, 4666 (21) 2431-8898

São Paulo

Le Vin Jardins- Alameda Tietê, 184 (11) 3081-3924

Le Vin Itaim- Rua Pais de Araújo, 137 (11) 3168-3037

Le Vin Higienópolis- Rua Armando Penteado, 25 (11) 3668-7400

Rua Voluntários da Pátria, 190 / 501
Botafogo – Rio de Janeiro - RJ - CEP: 22270-010
Tels.: (21) 2226.1346 / 2226.1347 / 2539.0775
Copyright © 2010 Factual. Todos os direitos reservados.